Publicado em 07/12/2022 às 14h05 – Atualizado em 07/12/2022 às 14h11.

Na próxima quarta-feira, 14 de dezembro, a Fundação Getúlio Vargas (FGV) inicia a distribuição das propostas de redação para os professores contratados para fazer a correção das provas de redação dos estudantes inscritos no Enem 2022.
Nesta edição, 2.458.504 realizaram as provas em papel, e 32.376, em computador, segundo o balanço do Inep.

Como é feita a correção da redação do Enem

As correções são feitas numa plataforma online, na qual o avaliador recebe os textos sem identificação. Cada avaliador recebe até 200 avaliações por dia e deve avaliar mais de 150 textos a cada três dias.  Todas as redações são corrigidas por dois avaliadores que desconhecem a nota atribuída pelo outro. A nota final é a média aritmética das duas notas do avaliador.

A redação do Enem vale 1000 pontos. Essa nota é formada pela pontuação das 5 competências que será mencionado no final.

Os professores da banca examinadora dão uma nota entre 0 e 200 pontos para cada uma das competências. A nota final da redação é média aritmética das notas totais dadas pelos professores. Em caso de divergência de 80 pontos em uma das competências ou maior que 100 pontos no total, a redação é avaliada por um terceiro corretor da banca responsável.

Se a redação continuar com notas muito diferentes, ela será avaliada por uma banca presencial de três professores. A nota final da redação é a média aritmética das duas notas que mais se aproximarem.

Cada competência vale de 0 a 200 pontos, totalizando a nota máxima de 1000 (mil) pontos na prova de redação do exame:
  • Competência 1: demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa.
  • Competência 2: compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa.
  • Competência 3: selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • Competência 4: demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
  • Competência 5: elaborar proposta de intervenção para o problema abordado que respeite os direitos humanos.

Tema da prova de redação:

  • Desafios para a valorização de comunidades e povos tradicionais no Brasil, tema do dia 13 de novembro;
  • ainda não divulgado, tema do dia 10 de janeiro;

O Portal Nacional da Educação acertou o eixo temático da prova de redação, a questão da valorização dos povos indígenas no Brasil era uma das apostas e foi divulgado uma lista com os possíveis temas de redação para o Enem 2022.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here